Publicado: qua, out 11th, 2017

Prefeitura economiza 73% com pregão e leva internet para todas as escolas

Pregão Presencial realizado para contratação de empresa de internet para a educação municipal registrou o maior número de rodadas da história da Prefeitura

A Prefeitura de Votuporanga realizou nesta semana o processo de licitação para contratação de internet por fibra optica para atender professores e alunos de todas as escolas municipais, sendo 12 escolas de ensino fundamental e 17 de ensino infantil, além da sede da Universidade Aberta do Brasil – UAB e da Secretaria Municipal de Educação.

Até então, a conexão oferecida era via rádio e agora passará a ser mais moderna, permitindo ainda mais agilidade e estabilidade do sinal. A velocidade passará de 15Mbps para 100Mbps e chegará inclusive aos cerca de 210 computadores dos laboratórios de informática instalados hoje em todos os 12 CEM – Centros de Educação Municipal, incluindo a escola de Simonsen. “Isso irá colaborar ainda mais com as atividades educativas que utilizem a tecnologia em sala de aula e também nos laboratórios. Traz mais qualidade de trabalho para os professores e otimiza o tempo para que os conteúdos sejam transmitidos com conforto e interatividade. Educação é uma área muito prioritária na nossa gestão”, destaca o prefeito João Dado.

A Secretária Municipal da Educação, Encarnação Manzano, informou que, no total, são 1.250 computadores e 160 lousas digitais em 32 prédios.

O que chamou a atenção no processo de licitação foi a economia gerada que chegou a 73%. A previsão inicial era de R$ 192 mil ao ano, no entanto, a compra foi fechada em R$ 50,2 mil ao ano, sem prejuízo da qualidade do serviço.

Chamado de Pregão Presencial, esta modalidade de licitação envolve empresas que participam das etapas de lances e têm a possibilidade de reduzir ainda mais suas propostas. A intermediação da sessão é feita por um pregoeiro que negocia descontos nos valores sugeridos. A maior proposta apresentada foi de R$ 492 mil e a menor foi de R$ 189 mil. Após 97 rodadas, o valor caiu para R$ 50,2 mil.

“Consideramos este o maior pregão da história da Prefeitura levando em conta a quantidade de rodadas promovidas, em que cada empresa oferecia seus lances disputando para fechar o melhor preço e oferecer o serviço à Prefeitura. É uma modalidade utilizada em todo o Brasil e que, mesmo com a redução permitida dos preços, não compromete a qualidade dos serviços”, explica Nelson Nishimura, servidor da Prefeitura há 12 anos e que conduziu os trabalhos desta licitação sobre o sinal de internet. Sessões de Pregão com apenas um lote leva em média 15 minutos para ser concluída. Esta sessão chegou a quase duas horas de negociações.

“O Pregão permite que utilizemos os recursos de maneira ainda mais otimizada e com grande economia. Garante ainda mais responsabilidade com o dinheiro público”, observa Nishimura.