Publicado: ter, mar 20th, 2012

Votuporanga se despede do cronista Fauzi Kanso

A Câmara de Vereadores de Votuporanga prestou a última homenagem ao cronista e articulista esportivo Fauzi Salomão Kanso, que faleceu nesta segunda-feira, pela manhã, em sua residência em Campinas. O conhecido Fauzi do rádio era irmão do presidente da Câmara Municipal de Votuporanga – Meidão Kanso, e deixou um vasto círculo de amigos em Campinas e em Votuporanga.

Nascido na cidade do Prata (MG), Fauzi veio para Votuporanga com 30 dias de vida, fixando residência com a família, iniciando a sua carreira e trabalhou durante anos como locutor esportivo nos tempos áureos do rádio votuporanguense. Por iniciativa do então vereador Arnaldo Santa Fé Trindade, Fauzi foi agraciado com o título de Cidadão Votuporanguense, pelos relevantes serviços prestados ao município.

Fauzi começou no rádio esportivo nos anos 1960 atuando pela Rádio Clube de Votuporanga como narrador de futebol. Ao lado de Luiz Rivoiro, premiado comentarista esportivo, narrou a melhor fase da inesquecível Associação Atlética Votuporanguense. Teve também uma rápida passagem pela Rádio Piratininga de Votuporanga, onde atuou ao lado do J. Háwilla e Sérgio Carvalho.

Fauzi Kanso era irmão de Ally Kanso, também narrador esportivo e que marcou época nos anos 1960 na equipe 1040 da Rádio Tupi de São Paulo.E ainda de Mehde Meidão, Yussif e Farid Kanso.

De Votuporanga, Fauzi Kanso passou pelo rádio de Ribeirão Preto. Ele encerrou a carreira em Campinas nas rádios Brasil e Cultura, em meados dos anos 1970, quando passou a dedicar exclusivamente a vida empresarial. Como empresário, Fauzi Kanso fez sucesso no ramo da limpeza e segurança e, em 1996, foi candidato a prefeito de Campinas. Voltou a atuar como cronista esportivo nos últimos anos passando a escrever a concorrida coluna “Causos do Interior” no Portal Futebol Interior.

Homenagem

O vereador Eliezer Casali – representando a Câmara de Vereadores falou em nome do Poder Legislativo e fez a leitura de um decreto de Luto Oficial por três dias pelo falecimento de Fauzi. Bastante emocionado, o presidente da Câmara e irmão de Fauzi  -Meidão, falou em nome da família. Ele fez um profundo agradecimento aos amigos, colegas vereadores, à cunhada Antonieta e aos filhos de Fauzi, Maria Carolina, Gustavo e Guilherme Augusto, que fizeram de tudo pela recuperação do irmão, além do corpo clínico, em nome do médico Luiz Alberto Zambon.

Relembrou da infância vivida no bairro Santa Luzia, com seus irmãos, do tempo de Fauzi no rádio votuporanguense e a sua paixão por esta terra e seu povo. Disse que o maior desejo de seu irmão era retornar a Votuporanga, cidade da qual era apaixonado.

Antes do caixão baixar a sepultura, mais homenagens, desta vez, de amigos do rádio. Os jornalistas Julio Junior e João Carlos Ferreira falaram da trajetória de sucesso de Fauzi no rádio votuporanguense. O diretor do Jornal Diário de Votuporanga, Danilo Camargo também esteve presente na cerimônia fúnebre.

Emocionados, os colegas de rádio lembraram-se da carreira vitoriosa de Fauzi, que lançou Fausto Silva (TV Globo como repórter esportivo), tendo trabalhado ainda com J. Háwila, Luciano do Vale, Sérgio Carvalho, entre outros. O último desejo de Fauzi era tocar a música de Tião Carrero e Pardinho – Rolinha Branca, além de outra canção de sua autoria sob as vozes de Tião Caboclo e Altamiro, Quer Voltar, letra que ele compôs, demonstrando a sua paixão por Votuporanga. O corpo foi sepultado às 9h45, sob forte aplausos de todos.